• Como a sua empresa mensura a integridade?
  • A Coréia do Sul multa a Novartis em 48 milhões de dólares por suborno a médicos;
  • Como desenvolver treinamentos contra o abuso sexual em empresas?

Como a sua empresa mensura a integridade?
A executiva Barbara Brooks Kimmel listou uma série de benefícios ligados à cultura empresarial forte e reforçada a cada dia:
i) funcionários mais motivados;
ii) aumento da inovação;
iii) decisões são tomadas de modo mais rápido;
iv) diminuição de casos de crises; e
v) aumento nos lucros.

A conclusão que já sabemos é que a falta de integridade aumenta o risco de más surpresas.
No entanto, o modo de se chegar ao mesmo resultado pode variar. E por isso a executiva lançou uma pesquisa online no site do FCPA Blog perguntando aos leitores como as empresas em que trabalham mensuram a integridade de seus funcionários e a confiabilidade em terceiros e parceiros negociais.
Convidamos você a participar da pesquisa online no site do FCPA blog e comentar sobre este vídeo.
Link da notícia

A Coréia do Sul multa a Novartis em 48 milhões de dólares por suborno a médicos
A Coréia do Sul multou a empresa suíça Novartis em 48 milhões de dólares por pagamentos ilícitos a médicos que buscavam fazer com que eles receitassem a seus pacientes medicamentos fabricados pela empresa.
Os médicos teriam recebido dinheiro ou outros incentivos que poderiam ser qualificados como pagamento visando à obtenção de vantagem indevida.
Em março de 2016, a Novartis pagou à SEC cerca de 25 milhões de dólares em caso de violação do FCPA devido ao pagamento ilícito realizado por duas subsidiárias chinesas a médicos. A empresa, ainda, registrou os pagamentos de modo errôneo como despesas com presentes, viagens e eventos de marketing.
A empresa também esteve envolvida em caso de corrupção nos Estados Unidos em 2010, quando autoridades americanas alegaram que a empresa teria subornado médicos locais para prescreverem o remédio contra epilepsia conhecido como Trileptal.
Link da notícia

Como desenvolver treinamentos contra o abuso sexual em empresas?
Segundo o especialista em compliance Mark Dorosz, um dos treinamentos mais importantes de compliance deveria ser sobre a prevenção ao abuso sexual em empresas.
Embora empregados e empregadores por vezes não se sintam confortáveis com o tema, é importante assegurar que todos compreendam a importância dele.
O especialista sugere abordar os seguintes tópicos no treinamento:
1 – Explicação sobre o que é abuso sexual no ambiente de trabalho e qual a política da empresa a respeito. Sanções em razão da violação das normas também devem ser apresentadas. É importante mencionar que a definição de abuso sexual no ambiente de trabalho pode diferir da do abuso sexual em outros ambientes.
2 – Uso de exemplos relevantes e de hipóteses pertinentes em que o abuso sexual poderá ocorrer.
3 – É essencial assegurar aos colaboradores a existência de um ambiente de confiança. Não há espaço para bullying nos treinamentos. Além disso, é importante que os colaboradores tenham um interlocutor em quem confiem para casos de reporte de uma situação de abuso.
4 – Por fim, deve-se comunicar aos colaboradores o que fazer em casos de abuso sexual.
Link da notícia

Participe da pesquisa do FCPA Blog! O que achou da Coréia do Sul sancionar a Novartis em valores superiores ao que ela foi sancionada nos EUA? Percebem o movimento global contra a corrupção? Sua empresa já ministrou algum treinamento de prevenção ao abuso sexual? Não? O que você pode fazer em relação a isso? Deixem ai seus comentários, não se esqueçam de curtir esse vídeo e assinar o canal.

Se achar que alguma notícia merece destaque, ou se quiser ver algum tema tratado com maior profundidade mande sua sugestão para: news@icomply.com.br

IComply, aprimorando pessoas, fortalecendo empresas

icomply-wp

View all posts

Add comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *